domingo, 11 de outubro de 2009

Intrigas;

(Ao inicio de uma manhã de Domingo)

Mãe: Atira a camisola do teu namorado para debaixo da cama e vai é estudar!

(silêncio)


Não vais conseguir fazer nada para que recue na minha felicidade ou deixe de lutar por ela, nada, sublinho- Foram palavras para o interior; eu permaneci calada enquanto os olhos vidravam.

(a camisola está e vais continuar a estar todas as noites à minha cabeceira, ou sobre o meu peito)


Isto foi só um desabafo, um grito de revolta. Peço desculpa.


7 comentários:

  1. Mostras força e isso é importante. O amor requer coragem.

    ResponderEliminar
  2. e vais deixar que fique só a camisola?
    revolta-te mais e grita e luta para que não seja só assim!

    ResponderEliminar
  3. o amor verdadeiro supera tudo. até as mães galinhas que arranjam desculpas para não mostrar que têm ciumes de uma camisola.
    força (:

    ResponderEliminar

deixa tu também letras soltas no caminho