sábado, 19 de fevereiro de 2011

Amo-te e a minha vida tem dados dois passos atrás num à frente.

Será que para ti, ainda sou quem nunca retribuíste um “amo-te” mas sabias até cuidar, ou uma mera puta, porque esta é a designação mais comum para uma rapariga, que não sabe o que quer, deu uma volta com um, com outro e no final de contas diz que ainda te ama?

Afinal, quem sou eu para ti, se tu para mim não és nada menos que um passado um presente e a maior esperança de futuro? Se és, ainda, o motivo das minhas inquietações, choros, noites em branco e o que possas, ou não, imaginar criado pela tua ausência, distância e falta que me fazes.

Gostava de ser para ti o que tu (ainda) és para mim. Gostava de chegar perto de ti, abraçar-te e pedir-te que fiques e que não mais vás embora sem pedir autorização.

Os dias passam e pouco falta para que o tempo que se conta desde que decidiste por termo ao que me dava os melhores sorrisos seja o mesmo em que pediste para ficar contigo. Cinco meses te tive, há cinco meses te quero, mais cinco meses passarão e, talvez sim, talvez não, eu estarei aqui, pronta a receber-te assim que decidas voltar.

8 comentários:

  1. O tempo passará sempre, mas n deixei k passe em vão! :)

    ResponderEliminar
  2. 2 5 meses que aposto terem parecido 2 5 anos, num bordel que permanecerá aberto até que a verdade seja reposta.

    ResponderEliminar
  3. Não és necessariamente puta por isso... foste, talvez, intemperante ou impulsiva, talvez tenhas estado confusa e reagido por atracção ilusória. Não passa a ser algo correcto, mas não é por isso que és puta - a menos que tenhas estado com essas pessoas e tenhas tido noção de que não te eram realmente importantes e que, ainda assim, as enganasses de propósito, pelo prazer que te poderiam dar. É a minha opinião.

    ResponderEliminar
  4. Adorei o teu texto ; )
    Sei bem o que é senitr isso, também já o senti e bastante.
    Não és puta por isso, apenas estavas farta desses acontecimentos com ele e decidis-te libertar dessa pressão.
    se ele realmente não te merece, não esperes por ele. Ele lá saberá depois o que perdeu :)

    ResponderEliminar
  5. É isto Sara, têm força e não deixes de lutar. És grande:) adoro

    ResponderEliminar

deixa tu também letras soltas no caminho